História do Sporting Clube da Covilhã
SC Covilhã perdeu Taça IMB nos penáltis
Sábado, 20 Julho 2019 00:00

Kukula progride entre a defensiva pacense

No jogo de apresentação aos seus associados e disputa da Taça IMB, o Sporting Clube da Covilhã recebeu o novo primodivisionário Futebol Clube Paços de Ferreira, numa partida interessante de acompanhar e que acabou com uma igualdade a uma bola, com o conjunto serrano a perder por 4-5 no desempate por pontapés da marca de penálti.

O onze covilhanense apresentou-se em campo com Igor Araújo na baliza, acompanhado na defensiva por Tiago Moreira, Brendon, Jaime Simões e Daniel Martins, estando o meio campo entregue a Filipe Cardoso, Adriano Castanheira, Gilberto e Mica Silva, ficando a frente de ataque sob a responsabilidade de Silva e Kukula. Depois do piloto covilhanense João Fonseca apresentar o sua máquina aos adeptos locais e da entrega de emblemas de prata e ouro aos associados mais antigos, o jogo entre serranos e pacenses revelou um ritmo competitivo digno de registo, no entanto, os lances mais perigosos ficaram guardados para o derradeiro quarto de hora da primeira parte, com destaque para o minuto 32, quando o remate cruzado de Douglas Tanque acertou no poste. E foi neste período de ascendente visitante que surgiu o golo inaugural aos 40 minutos, com o jovem Matchoi Djaló a isolar-se num rápido contra ataque para atirar fora do alcance do guardião Carlos Henriques. Ao intervalo: 0-1.

Leandro Pimenta controla a bola nas quatro linhas

No segundo tempo, as diversas substituições operadas pelos treinadores Ricardo Soares e Filó tiveram um efeito mais positivo nos covilhanenses, que apresentaram uma dinâmica que causou maiores problemas aos adversários, com o tento da igualdade a ser uma realidade aos 75 minutos, em que um passe de Gilberto deixou Bonani em posição de rematar com êxito para a baliza de Ricardo Ribeiro. Nos instantes finais ainda pairou no ar a possibilidade da partida ficar decidida no tempo regulamentar, visto que aos 89 minutos, na sequência de um canto, um desvio de Diogo Almeida levou a bola à barra das redes serranas, como tal, as equipas permaneceram empatadas perante o apito final do árbitro Pedro Ribeiro. No desempate por pontapés da marca de penálti, o Sporting da Covilhã foi eficaz por Gilberto, Adriano, Bonani e Leandro Pimenta, com Zarabi e Joel a permitirem a defesa de Ricardo Ribeiro e Daffé a atirar ao poste, enquanto o Paços de Ferreira foi certeiro por Pedrinho, Baixinho, Bernardo, Diaby e Diogo Almeida, com Oleg a possibilitar a intervenção de Bruno Bolas e Luiz Carlos a rematar ao poste, o que originou um desfecho de 4-5 para os nortenhos e a respectiva conquista da Taça IMB. No próximo domingo, os serranos têm o arranque oficial da época ao receberem o Varzim para a disputa da 1ª elimnatória da Taça da Liga.

Texto: Eugénio Lopes.

Fotografias: Filipe Pinto - Foto Académica.

Actualizado em Segunda, 22 Julho 2019 11:11
 
Monteiro
Terça, 16 Julho 2019 00:00

Monteiro realizou todo o percurso de formação no FC Porto (desde escolas à equipa B), exceptuando uma época de juvenil no Padroense no âmbito do protocolo com o emblema azul e branco, assumindo papel de destaque como extremo, sendo internacional por Portugal desde sub-18 a sub-21. Ainda com ligação contratual aos portistas e já como sénior, Jorge Monteiro representou o GD Ribeirão e o Estrela da Amadora (na 1ª Liga), antes de ser emprestado ao Sporting da Covilhã a meio da temporada 2008/2009, onde marcou quatro golos em nove jogos, ajudando assim o nosso clube a alcançar o 7º lugar na 2ª Liga. Na época seguinte, Monteiro começou por envergar a camisola do Portimonense, mas a meio da temporada rumou novamente ao Sporting da Covilhã, onde desta vez apontou dois golos em 15 jogos, contribuindo para a manutenção do conjunto serrano na divisão secundária. A carreira de Monteiro prosseguiu depois por vários países, em concreto, Portugal (Santa Clara, Moreirense, Anadia FC e actualmente Beira-Mar), no Chipre (AEL Limassol, onde conquistou a Liga Cipriota e foi um dos melhores marcadores da prova, AEK Larnaca e Ermis Aradippou) e na Grécia (Iraklis Salónica). Que recordações existem das exibições de Monteiro com a camisola covilhanense?


Actualizado em Terça, 16 Julho 2019 08:37
 
Djikiné
Terça, 09 Julho 2019 00:00

O maliano Djikiné teve a sua época de estreia no Sporting da Covilhã em 2007/2008, dando o seu contributo no meio campo para a emocionante subida do nosso clube à 2ª Liga, visto que somente foi alcançada num desempate por pontapés da marca de grande penalidade com o Olivais e Moscavide. Djikiné continuou em destaque na temporada seguinte no escalão secundário, o que possibilitou a sua transferência para o primodivisionário Vitória de Setúbal, onde jogou três épocas, rumando depois ao campeonato do Chipre (Olympiakos Nicósia) e ao do Iraque (Duhok FC). Djikiné regressou ao emblema serrano na temporada 2014/2015, ajudando a nossa equipa a lutar pela subida à 1ª Liga até à última jornada do campeonato, que não foi conseguida por um escasso ponto. Na época seguinte, Djikiné envergou a camisola do Atlético CP, mas voltou aos covilhanenses em 2016/2017 para mais duas temporadas com as cores serranas. No total, Djikiné participou em 126 jogos oficiais pelo Sporting da Covilhã, nos quais assinou quatro golos, actuando neste momento pela formação luxemburguesa do Jeunesse Canach. Que registos ficaram da superioridade de Djikiné no meio campo serrano?


Actualizado em Terça, 09 Julho 2019 08:45
 
Diogo Gaspar
Terça, 02 Julho 2019 00:00

Depois de realizar a totalidade dos escalões de formação no Sporting da Covilhã, Diogo Gaspar teve a oportunidade de integrar o principal plantel serrano durante várias temporadas, jogando preferencialmente a médio ou a defesa direito. Na época 2013/2014, Diogo Gaspar conquistou a titularidade na fase inicial da temporada, participando em três jogos da 1ª fase da Taça da Liga, nos quais apontou um golo que ajudou o nosso clube a passar à próxima ronda da competição. No entanto, foi precisamente numa partida da Taça da Liga que Diogo Gaspar sofreu uma lesão grave, o que condicionou bastante a sua evolução na equipa covilhanense. Para além do nosso clube, Diogo Gaspar representou AD Manteigas, Águias do Moradal, CD Alcains e Pedrógão São Pedro, envergando a camisola deste último emblema no Distrital de AF Castelo Branco recentemente concluído. Que lembranças existem de Diogo Gaspar com o emblema serrano?


Actualizado em Terça, 02 Julho 2019 08:56
 
Flávio Ferreira
Terça, 25 Junho 2019 00:00

Flávio Ferreira iniciou a actividade futebolística no AD Nogueirense, ingressando depois no FC Oliveira do Hospital, onde as capacidades demonstradas possibilitaram-lhe rumar aos juvenis da Académica de Coimbra, na qual continuou a destacar-se, tendo somado internacionalizações por Portugal nos sub-16 e sub-18. Com a conclusão dos escalões jovens no emblema academista, Flávio Ferreira foi emprestado aos seniores do Tourizense, seguindo-se novo empréstimo na temporada 2010/2011, desta vez ao Sporting da Covilhã. No nosso clube, Flávio Ferreira jogou a médio defensivo e a defesa central, tendo ajudado a agremiação serrana a alcançar a manutenção na 2ª Liga, envergando a camisola covilhanense em 22 jogos oficiais. De regresso à Académica, Flávio Ferreira salientou-se em encontros da 1ª Liga, da Taça de Portugal (colaborando na conquista conimbricense em 2011/2012, após triunfo sobre o Sporting CP no Jamor) e da Liga Europa, o que lhe proporcionou uma transferência para o Málaga CF, onde actuou na 1ª Liga espanhola. As lesões obrigaram Flávio Ferreira a um final precoce da sua carreira, mas certamente que deixou bastantes memórias das suas exibições entre os adeptos serranos…


Actualizado em Terça, 25 Junho 2019 08:04
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Pág. 1 de 174
Livro História SCC
.
fa

Livro História do Sporting Clube da Covilhã 1923-1990 disponível para aquisição na Foto Académica, localizada nas Escadas do Quebra Costas n.º 2 - Covilhã

ATLETAS
JOGADORES DE A a Z:
TREINADORES
OUTRAS FIGURAS
ENTREVISTAS
EVENTOS
CONTACTOS
OUTROS
REDES SOCIAIS

face

SPONSOR

Gigarte - Design e Comunicação

ESTATÍSTICA
Visualizações de conteúdos : 1742219