História do Sporting Clube da Covilhã
SC Covilhã 0 Vitória FC Setúbal 0
Quinta, 21 Julho 2011 09:00

Pedro Ribeiro entre oposição vitoriana

 

O histórico Estádio Santos Pinto recebeu a apresentação do Sporting Clube da Covilhã aos seus adeptos, numa partida com o Vitória Futebol Clube de Setúbal que terminou sem golos no marcador, mas que deu para os espectadores terem as primeiras impressões dos serranos na temporada 2011/2012.

Como é habitual nesta fase da época, o ritmo do jogo não foi muito elevado, mas mesmo assim verificaram-se alguns lances interessantes, principalmente protagonizados pela formação covilhanense durante a primeira parte, num período em que teve sinal mais, embora sem qualquer tento obtido.

Após o intervalo, e com as sucessivas substituições, o Vitória revelou-se mais perigoso, conseguindo elaborar jogadas bastante problemáticas para o sector mais recuado dos locais, porém, a falta de pontaria sadina e as intervenções do guardião Igor Araújo impediram que o resultado final não fosse além de um nulo. No próximo sábado, o Sporting Clube da Covilhã volta a actuar perante a sua massa associativa e novamente com um adversário do primeiro escalão nacional, visto que disputará a Taça IMB com o Gil Vicente.

Fotografias: Filipe Pinto - Foto Académica.

Luta intensa pela posse de bola

Actualizado em Quinta, 21 Julho 2011 09:21
 
Luís Miguel
Quarta, 20 Julho 2011 12:59

Luís Miguel, natural da Covilhã, ascendeu aos seniores do Sporting da Covilhã em 1994/1995, onde permaneceu durante cinco temporadas consecutivas, integrando planteis que conseguiram triunfos na Zona Centro da 2ª Divisão B em 1995/1996 e 1998/1999, com as consequentes subidas à 2ª Divisão de Honra. Com poucas oportunidades para defender a baliza serrana, Luís Miguel prosseguiu a carreira por outros clubes, nomeadamente, Recreio de Águeda, Machico, Sanjoanense, Lusitânia e Alcains, tendo regressado ao Sporting da Covilhã em 2004/2005. Logo nessa época, o guarda-redes Luís Miguel voltou a festejar nova subida à 2ª Divisão de Honra, um êxito repetido em 2007/2008, totalizando assim quatro ascensões ao segundo escalão do futebol nacional. Que mais haverá a acrescentar sobre Luís Miguel?

Actualizado em Quarta, 20 Julho 2011 13:08
 
Franclim Taborda
Quarta, 13 Julho 2011 08:52

Franclim Taborda, natural da Covilhã, começou por destacar-se ao serviço do Águias de Santa Maria nos populares torneios da FNAT (actual INATEL), onde realizou exibições que lhe proporcionaram o ingresso no Sporting da Covilhã em 1943. Possuidor de inegáveis recursos físicos e técnicos, Franclim Taborda jogava a defesa esquerdo, tendo permanecido no emblema serrano durante treze temporadas, participando em momentos altos do clube, como por exemplo, a conquista do Nacional da 2ª Divisão em 1947/1948, que garantiu a grandiosa Taça “O Século”, e o 5º lugar obtido na 1ª Divisão em 1955/1956, num escalão em que Franclim Taborda envergou a camisola covilhanense em 63 partidas. Que outras recordações existem de Franclim Taborda?

Actualizado em Terça, 06 Novembro 2012 15:16
 
Caronho
Quarta, 06 Julho 2011 09:01

Nuno Caronho representou os seniores do Sporting da Covilhã a partir de 1991, sendo uma promoção do escalão júnior do emblema serrano, mantendo-se no clube até 1997. Curiosamente, nas épocas em que Caronho envergou a camisola covilhanense verificou-se sempre mudança de divisão, ora com despromoções (duas à 3ª Divisão e uma à 2ª Divisão B), ora com subidas (duas à 2ª Divisão B e uma à 2ª Divisão Honra). No meio de tantas oscilações de escalão, merece referência a temporada 1995/1996, em que o nosso clube alcançou a primeira subida à 2ª Divisão Honra, num feito alcançado na última jornada em Fanhões. O covilhanense Caronho jogava preferencialmente a defesa direito e certamente que existem outras memórias das suas exibições…

Actualizado em Quinta, 06 Novembro 2014 11:47
 
Picas
Quarta, 29 Junho 2011 11:36

Jorge Manuel Pinto Loureiro ficou conhecido no mundo do futebol por Picas, um avançado natural de Esposende que representou o Sporting da Covilhã entre 1994 e 1996.

Os golos de Picas contribuíram para duas subidas de divisão consecutivas do emblema serrano, começando com o 2º lugar na Série C da 3ª Divisão e continuando com o lugar cimeiro na Zona Centro da 2ª Divisão B, o que possibilitou a estreia do clube na 2ª Divisão de Honra na temporada seguinte.

Picas chegou ao Sporting da Covilhã proveniente do Esposende, mas tornou-se numa referência do futebol da nossa região, visto que representou outros emblemas da Beira Interior. Que recordações existem de Picas?

Actualizado em Segunda, 04 Julho 2011 10:27
 
<< Início < Anterior 131 132 133 134 135 136 137 138 139 140 Seguinte > Final >>

Pág. 137 de 141
Livro História SCC
.
fa

Livro História do Sporting Clube da Covilhã 1923-1990 disponível para aquisição na Foto Académica, localizada nas Escadas do Quebra Costas n.º 2 - Covilhã

ATLETAS
JOGADORES DE A a Z:
TREINADORES
OUTRAS FIGURAS
ENTREVISTAS
EVENTOS
CONTACTOS
OUTROS
REDES SOCIAIS

face

SPONSOR

Gigarte - Design e Comunicação

ESTATÍSTICA
Visualizações de conteúdos : 1275186