SC Covilhã 0 Varzim SC 0 (3-1 g.p.)
Domingo, 28 Julho 2019 00:00

Gilberto avança entre a oposição varzinista

O Sporting Clube da Covilhã assegurou na tarde deste domingo a passagem à 2ª eliminatória da Taça da Liga, visto que venceu (3-1) o Varzim Sport Club no desempate por pontapés da marca de grande penalidade, isto, depois do nulo que se verificou durante o tempo regulamentar.

O conjunto serrano apresentou-se em campo com Bruno Bolas na baliza, acompanhado na defensiva por Tiago Moreira, Brendon, Jaime Simões e Daniel Martins, estando o meio campo entregue a Filipe Cardoso, Adriano Castanheira, Gilberto e Leandro Pimenta, ficando a frente de ataque sob a responsabilidade de Silva e Kukula. Este jogo teve um começo movimentado e logo com dois lances de perigo protagonizados pelas duas equipas, pois, aos 3 minutos, o remate de Adriano passou muito perto da baliza poveira, e aos 8 minutos, Stanley cabeceou por cima das redes covilhanenses. Aos 18 minutos surgiu uma contrariedade para os locais, porque o guarda-redes Bruno Bolas sofreu uma lesão que obrigou à sua substituição por Carlos Henriques, que mais para o final da primeira parte queixou-se da perna e actuou condicionado o resto do encontro, portanto, foi uma tarde complicada para os defensores da baliza serrana. De volta ao jogo, um cruzamento de Silva originou uma intervenção de Luís Pedro para as suas próprias redes, que só não teve consequências no marcador devido à boa defesa de Ismael. Do outro lado, Carlos Henriques também teve oportunidade de brilhar aos 39 minutos, ao impedir o sucesso do remate rasteiro de Rui Coentrão.

Covilhanenses festejam a passagem à 2ª eliminatória da Taça da Liga

O segundo tempo revelou-se menos entusiasmante, até porque a bola passou a maior parte dos minutos no meio campo, onde o notável empenho dos jogadores prendeu a atenção dos espectadores. No entanto, foi preciso aguardar pelo minuto 65 para assistirmos a uma acção perigosa, com Minhoca a atirar por cima, em plena área local, após um lançamento lateral na direita. Volvidos alguns instantes, a missão covilhanense ficou mais difícil, visto que o árbitro Miguel Nogueira mostrou o segundo cartão amarelo a Jaime, com a consequente expulsão que deixou o conjunto orientado por Ricardo Soares em inferioridade numérica a partir dos 68 minutos. Perante este cenário, o Varzim assumiu o controlo da partida e reforçou o ataque para tentar chegar à vitória, mas os anfitriões revelaram coesão defensiva e perspicácia nas saídas para o ataque, evitando uma maior pressão do onze nortenho. O único lance verdadeiramente problemático para os serranos aconteceu aos 86 minutos, em que Ricardo Barros assinou um belo trabalho que levou a bola para perto de Stanley, que não fez golo devido à esforçada defesa covilhanense, seguindo assim a eliminatória para os penáltis. Nesta forma de desempate, os poveiros apenas estiveram certeiros numa ocasião por Alan Henrique, pois, Luís Pedro atirou por alto, Stanley acertou na barra e Baba Sow possibilitou a defesa do condicionado Carlos Henriques, levando ao desespero os adeptos varzinistas presentes no Estádio Santos Pinto. Pelos serranos, Daniel Martins, Adriano e Bonani foram eficazes, enquanto Gilberto rematou para defesa de Ismael, com a contagem fechada em 3-1 para alegria das hostes anfitriãs. Na 2ª eliminatória, o Sporting da Covilhã vai jogar ao terreno do primodivisionário FC Famalicão já no próximo fim de semana.

Texto: Eugénio Lopes.

Fotografias: Filipe Pinto - Foto Académica.

Ficha de jogo: https://www.ligaportugal.pt/pt/liga/jogo/20192020/allianzcup/1/6

Actualizado em Segunda, 29 Julho 2019 09:10
 

Comentar


Livro História SCC
.
fa

Livro História do Sporting Clube da Covilhã 1923-1990 disponível para aquisição na Foto Académica, localizada nas Escadas do Quebra Costas n.º 2 - Covilhã

ATLETAS
JOGADORES DE A a Z:
TREINADORES
OUTRAS FIGURAS
ENTREVISTAS
EVENTOS
CONTACTOS
OUTROS
REDES SOCIAIS

face

SPONSOR

Gigarte - Design e Comunicação

ESTATÍSTICA
Visualizações de conteúdos : 1893748