Varzim SC 1 SC Covilhã 2
Segunda, 22 Fevereiro 2021 00:00

Passados mais de três meses, o Sporting Clube da Covilhã voltou a conhecer o sabor de uma vitória na Segunda Liga, com um êxito que foi alcançado no terreno do Varzim Sport Club por 1-2, onde a nossa equipa conseguiu uma preciosa vantagem de duas bolas durante a primeira parte.

Entrou muito bem no jogo a formação serrana, que no quarto de hora inaugural assinou dois golos: aos 12 minutos, na sequência de um canto, o guardião Ricardo Nunes afastou a bola para um remate espectacular de Gilberto de fora da grande área, assinando assim o primeiro tento visitante; e aos 15 minutos, Jean Felipe cruzou da direita para Enoh atirar certeiro para as redes locais, alargando desta forma a vantagem covilhanense no marcador. A resposta varzinista não demorou a surgir por Agdon, mas Tiago Moreira teve uma intervenção providencial para evitar que a bola entrasse na baliza de Léo Navacchio. A restante etapa inicial foi bem controlada pelo onze serrano, que não permitiu mais ameaças sérias às suas redes, o que possibilitou a manutenção da diferença de dois tentos para o período de descanso.

O segundo tempo começou da pior maneira para os comandados de Bizarro, que logo nos momentos iniciais viram o Varzim a reduzir a desvantagem por intermédio de Luís Pedro, que foi eficaz após um cruzamento de Fatai na sequência de um canto. Este golo motivou bastante o conjunto poveiro, que fez o Covilhã passar por muitas dificuldades durante algum tempo, valendo as excelente defesas de Léo Navacchio para impedir o empate, principalmente aos 48 minutos, a remate de André Leão, e aos 62 minutos, em dose dupla a iniciativas dos jogadores locais. Pelo meio, os serranos também importunaram o guarda-redes Ricardo, que foi obrigado a uma intervenção para evitar o sucesso do remate de Bernardo Martins. Aos 68 minutos, novo lance perigoso na área forasteira, com Patrick a ficar perto de encostar a redonda na baliza adversária, mas os serranos não demoraram a responder em contra ataque, com Enoh a rematar um pouco por cima das redes nortenhas. Os instantes finais foram de grande pressão varzinista, porém, a defensiva covilhanense esteve em bom plano e conseguiu segurar a vantagem até ao derradeiro apito do árbitro Cláudio Pereira. O treinador José Bizarro permanece assim sem perder no comando técnico do Sporting da Covilhã, tendo colocado um ponto final na série de nove partidas consecutivas sem os serranos vencerem no campeonato, conseguindo agora uma diferença mais visível para a zona de despromoção, antes da recepção ao Feirense no próximo sábado.

Texto: Eugénio Lopes

Ficha de jogo: https://www.ligaportugal.pt/pt/liga/jogo/20202021/ligaportugalsabseg/21/8

Actualizado em Segunda, 22 Fevereiro 2021 20:52
 

Comentar


Livro História SCC
.
fa

Livro História do Sporting Clube da Covilhã 1923-1990 disponível para aquisição na Foto Académica, localizada nas Escadas do Quebra Costas n.º 2 - Covilhã

ATLETAS
JOGADORES DE A a Z:
TREINADORES
OUTRAS FIGURAS
ENTREVISTAS
EVENTOS
CONTACTOS
OUTROS
REDES SOCIAIS

face

SPONSOR

Gigarte - Design e Comunicação

ESTATÍSTICA
Visualizações de conteúdos : 2271932