SC Covilhã 2 Portimonense SC 0
Sexta, 21 Outubro 2011 09:08

Gégé cabeceia para o 2-0

No dia em que se festejaram os 141 anos da elevação da Covilhã a cidade, também o Sporting Clube da Covilhã teve motivos para celebrar, visto que derrotou o Portimonense Sporting Clube por 2-0, com golos assinados por Dani Matos e Gégé na primeira parte.

Os serranos apresentaram-se em campo num esquema de 1x4x2x3x1, estando a baliza entregue a Nuno Santos, acompanhado na defensiva por Zezinho, Gégé, Ricardo Rocha e Joel, ficando Gabi e Milton na zona mais recuada do meio campo, com Wang Gang, Dani Matos e Fofana no apoio ao ponta de lança Dominic. Os locais começaram a partida com tendências rematadoras, pois, Milton e Gabi procuraram cedo alcançar as redes algarvias, mas o Portimonense soube responder com perigo, visto que aos 4 minutos, o remate de Simy passou muito perto da baliza de Nuno Santos. No entanto, o Covilhã demonstrava ser a melhor equipa nesta fase e inaugurou o marcador aos 6 minutos, com Dani Matos a atirar para uma intervenção incompleta de Goda, aproveitando depois a respectiva recarga para provocar os festejos dos adeptos covilhanenses
em dia de feriado municipal. Os visitantes tentaram reagir à desvantagem, contudo, foram os comandados de Tulipa que estiveram perto de novo tento aos 18 minutos, quando Dominic rematou para Ricardo Pessoa substituir o seu guarda-redes na linha de baliza. Porém, cerca da meia hora, os algarvios tomaram conta do jogo e só não
alcançaram a igualdade porque Nuno Santos esteve em grande nas redes serranas, primeiro, opondo-se com categoria ao isolado Simy, depois, com uma defesa de classe a remate de Ben Traoré. Apesar destas ameaças, o Portimonense não conseguiu marcar e acabou mesmo por sofrer o segundo tento aos 41 minutos, com Joel a cobrar um canto na direita para o cabeceamento certeiro de Gégé, que assim colocou o resultado em duas bolas de diferença. Ao intervalo: 2-0.

Dani Matos perante um opositor

Para o segundo tempo, o técnico forasteiro teve que trocar de guarda-redes, entrando Ivo Gonçalves para o lugar de Goda, mas no foi o ataque que esteve em maior destaque, numa tentativa de alterar o rumo dos acontecimentos. Aos 49 minutos, Simy introduziu a bola na baliza local, mas já tinha sido assinalada posição de fora de jogo pelo árbitro Bruno Paixão, enquanto aos 52 minutos, Ben Traoré cabeceou ligeiramente por alto após um pontapé de canto. Estas foram as ameaças mais sérias ao resultado, porque a partir daí as tentativas visitantes nunca levaram uma direcção demasiado perigosa. Mesmo dominando o encontro neste período, o Portimonense jamais conseguiu colocar em causa a vantagem adversária, que até poderia ter sido reforçada aos 83 minutos, quando num rápido contra ataque, Fofana isolou Milton, que atirou à malha lateral diante do guardião opositor. Com este triunfo, o Sporting da Covilhã soma agora dez pontos após sete jornadas da Liga Orangina, seguindo-se uma deslocação ao Atlético, que terá transmissão televisiva na SportTV.

Texto: Eugénio Lopes.
Ficha de Jogo: http://www.lpfp.pt/liga_orangina/pages/jogo.aspx?epoca=20112012&jornada=7&jogo=7124

Fotografias: Filipe Pinto - Foto Académica.

Resumo: José Cavaca - Provideo> http://www.youtube.com/watch?v=L-lLgV6eA3o

Actualizado em Sexta, 21 Outubro 2011 11:03
 

Comentar


Livro História SCC
.
fa

Livro História do Sporting Clube da Covilhã 1923-1990 disponível para aquisição na Foto Académica, localizada nas Escadas do Quebra Costas n.º 2 - Covilhã

ATLETAS
JOGADORES DE A a Z:
TREINADORES
OUTRAS FIGURAS
ENTREVISTAS
EVENTOS
CONTACTOS
OUTROS
REDES SOCIAIS

face

SPONSOR

Gigarte - Design e Comunicação

ESTATÍSTICA
Visualizações de conteúdos : 1734778