História do Sporting Clube da Covilhã
Álvaro Fernandes
Terça, 27 Junho 2017 00:00

Álvaro Fernandes iniciou a actividade futebolística nas camadas jovens do CF Os Belenenses, onde assumiu papel de destaque em terrenos intermediários e ofensivos, ao ponto de ter somado seis internacionalizações pelos sub-18 de Portugal. Ainda júnior, Álvaro estreou-se na equipa principal do emblema lisboeta na 1ª Divisão Nacional, numa presença que se repetiu na época seguinte, agora já integrando o plantel sénior. A carreira de Álvaro prosseguiu posteriormente por União de Leiria (onde voltou a jogar no primeiro escalão do futebol português), Estrela da Amadora, Ginásio de Alcobaça, Lusitano de Évora, Atlético CP, FC Vizela e FC Felgueiras, antes de assinar pelo Sporting da Covilhã para a temporada 1989/1990. Álvaro encontrou o conjunto serrano na Zona Centro da 2ª Divisão Nacional, numa época que viria a terminar com um sabor amargo para o conjunto covilhanense, visto que o 9º lugar alcançado não foi suficiente para integrar a edição inaugural da 2ª Divisão de Honra na temporada seguinte. Álvaro esteve somente uma época ao serviço do nosso clube, tendo envergado a camisola serrana em 32 jogos oficiais, continuando depois a sua carreira por União de Santiago, Sacavenense, SL Fanhões e Angrense. Que recordações ficaram das exibições de Álvaro?

Actualizado em Terça, 27 Junho 2017 08:48
 
Homenagem aos Campeões 1986/1987
Quinta, 22 Junho 2017 00:00

Por iniciativa de alguns antigos jogadores e com apoio de membros do site História do Sporting Clube da Covilhã e da claque Leões da Serra, o próximo 15 de Julho será dia de homenagem aos Campeões 1986/1987, que comemoram 30 anos da última subida do emblema serrano à 1ª Divisão Nacional e da conquista do título nacional do escalão secundário. A homenagem terá lugar na Câmara Municipal da Covilhã, após a cerimonia do lançamento do livro "historia do Sporting da Covilhã 1923-1990", com o jantar comemorativo a ser efectuado no Hotel Puralã, sendo as inscrições realizadas no Gabinete de Apoio ao Sócio, na entrada da sede do clube, ou pelo e-mail Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar , tendo como data limite o dia 12 de Julho. Esta iniciativa é apoiada pelo Sporting Clube da Covilhã e pela Câmara Municipal da Covilhã.

Actualizado em Quinta, 22 Junho 2017 08:48
 
Armando Ramalho
Terça, 20 Junho 2017 00:00

O guarda-redes Armando Ramalho foi cedido pelo SL Benfica ao Sporting da Covilhã na época 1962/1963, envolvido nas negociações da transferência do também guardião Rita para o emblema lisboeta. Ramalho veio para a cidade serrana com outros jogadores benfiquistas, encontrando o nosso clube na Zona Norte da 2ª Divisão, numa assumida tentativa de regressar de imediato à 1ª Divisão Nacional. Esse objectivo acabou por não ser alcançado pela equipa de Ramalho e colegas, visto que o Varzim SC esteve muito forte no campeonato e conquistou a subida de divisão com mais cinco pontos que a formação covilhanense, obrigada a contentar-se com o 2º lugar da classificação. Na Taça de Portugal, os serranos foram afastados logo na 1ª eliminatória após duas derrotas com o Vitória de Guimarães. Que memórias permanecem das defesas de Ramalho?

Actualizado em Terça, 20 Junho 2017 08:54
 
Dagil
Terça, 13 Junho 2017 00:00

O avançado brasileiro Dagil fez a sua estreia no futebol português ao serviço do GD Ribeirão, que na altura disputava a Série A da 2ª Divisão B, em que as suas exibições e os golos apontados despertaram a atenção de clubes de escalões superiores. Dagil rumou então ao GD Estoril Praia para jogar na 2ª Liga, onde continuou a protagonizar momentos de bom futebol, ao ponto de ter sido contratado pelo CD Trofense para actuar na principal divisão do futebol nacional. No entanto, a permanência de Dagil na 1ª Liga foi curta, regressando ao segundo escalão para representar o Sporting da Covilhã na temporada 2009/2010, em que os serranos procuravam realizar uma época tranquila. É certo que o campeonato até nem começou mal para o emblema covilhanense, mas com o avançar das jornadas a equipa foi caindo para lugares perigosos da classificação, com o próprio Dagil a sentir dificuldades de afirmação na frente de ataque, o que contribuiu para que a meio da época fosse transferido para o Gil Vicente. Depois da formação de Barcelos, Dagil ainda jogou no Gondomar antes de voltar às provas brasileiras, deixando certamente diversas lembranças das suas actuações nos relvados portugueses…

Actualizado em Terça, 13 Junho 2017 08:51
 
Dário
Terça, 06 Junho 2017 00:00

Dário iniciou a actividade futebolística nos escalões de formação do Domingos Sávio, transitando para o Casa Pia AC nos juniores, onde ascendeu a sénior e jogou durante várias épocas na equipa principal. As exibições de Dário como extremo no emblema casapiano possibilitaram a sua contratação pelo Sporting da Covilhã na temporada 2003/2004, em que os serranos militavam na 2ª Divisão de Honra. Foi uma época muito difícil para o nosso clube, que acabou mesmo por descer de divisão, mas Dário ainda demonstrou as suas capacidades em dez jogos oficiais, nos quais apontou três golos, curiosamente, todos assinados na mesma partida, quando os serranos eliminaram o UFC Moitense na Taça de Portugal com um triunfo por 0-4. A meio da temporada, Dário rumou ao CD Mafra, representando posteriormente diversos clubes do futebol nacional, nomeadamente, Atlético CP, Real SC, FC Madalena, AD Oeiras,1º Dezembro, Sintrense, Lourinhanense e CD Santo António de Lisboa, onde ainda joga no Distrital da Associação de Futebol lisboeta. Que recordações existem das arrancadas de Dário?

Actualizado em Terça, 06 Junho 2017 09:19
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Pág. 1 de 135
ATLETAS
JOGADORES DE A a Z:
TREINADORES
OUTRAS FIGURAS
ENTREVISTAS
EVENTOS
CONTACTOS
OUTROS
REDES SOCIAIS

face

SPONSOR

Gigarte - Design e Comunicação

ESTATÍSTICA
Visualizações de conteúdos : 1206559