História do Sporting Clube da Covilhã
Reinildo
Terça, 13 Julho 2021 00:00

O moçambicano Reinildo ganhou protagonismo com a camisola do Ferroviário da Beira, ao ponto de rumar a Portugal para assinar contrato com o SL Benfica, tendo actuado pela equipa B do emblema lisboeta. Ainda com vínculo aos benfiquistas, Reinildo foi emprestado ao AD Fafe, seguindo-se novo empréstimo na época 2017/2018, agora ao Sporting da Covilhã. Reinildo assumiu a titularidade no lado esquerdo da defensiva serrana, participando em 31 jogos oficiais com as cores covilhanenses, nos quais assinou quatro golos, ajudando assim o nosso clube a permanecer mais uma temporada na 2ª Liga, através do 15º lugar na tabela classificativa. A carreira de Reinildo prosseguiu depois na 1ª Liga ao serviço do Belenenses SAD, mas depressa rumou ao campeonato francês para actuar no Lille OSC, pelo qual conquistou recentemente o título nacional de França, sendo ainda presença habitual na equipa AA de Moçambique. Que lembranças existem de Reinildo no emblema covilhanense?

Actualizado em Terça, 13 Julho 2021 08:42
 
João Pinto
Terça, 06 Julho 2021 00:00

João Pinto foi uma grandes figuras do futebol português na década de 80 e de 90, sendo uma referência do FC Porto e da Selecção Nacional, em que as suas exibições a defesa direito deliciavam os amantes da modalidade. Terminada a carreira de futebolista, João Pinto continuou ligado ao emblema azul e branco, agora em funções técnicas, de onde rumou ao Sporting da Covilhã na temporada 2010/2011, para assumir o comando da nossa equipa em mais uma edição da 2ª Liga. A permanência de João Pinto como treinador do conjunto covilhanense durou até à fase inicial da segunda volta do campeonato, sendo afastado do cargo após uma derrota caseira (0-1) com o Estoril Praia na 17ª jornada, com o onze serrano envolvido na luta pela manutenção no segundo escalão do futebol nacional. Que memórias ficaram de João Pinto na liderança da equipa covilhanense?

Actualizado em Terça, 06 Julho 2021 08:41
 
Patriarca
Terça, 29 Junho 2021 00:00

Depois de completar os escalões de formação na AD Estação, a estreia a nível sénior de Patriarca foi com a camisola do Sporting da Covilhã na época 2007/2008, com o nosso clube a disputar a Série C da 2ª Divisão B. Patriarca não foi muito utilizado no meio campo serrano, mas fica associado a uma temporada de sucesso para o emblema covilhanense, que garantiu nesse ano a subida à 2ª Liga após um "play-off" pleno de emoção com o Olivais e Moscavide. A carreira de Patriarca tem prosseguido por diversos clubes da Beira Interior, nomeadamente, CD Alcains, FC Estrela de Unhais da Serra, AD Penamacorense, AD Estação, ACR Atalaia do Campo, UD Belmonte, AD Manteigas, ADC Pedrógão de São Pedro e Guarda Desportiva FC. Que recordações existem de Patriarca com as cores serranas?

Actualizado em Terça, 29 Junho 2021 08:43
 
Xeka
Terça, 22 Junho 2021 00:00

Miguel Ângelo da Silva Rocha está presente no mundo do futebol como Xeka, um médio internacional sub-21 por Portugal, que repartiu os escalões de formação por FC Paços de Ferreira, Gondomar SC e o histórico emblema espanhol do Valencia CF, com a estreia a nível sénior a ser realizada com a camisola da equipa B do SC Braga. E foi através do clube minhoto que Xeka chegou por empréstimo ao Sporting da Covilhã na época 2014/2015, tendo envergado a camisola serrana durante duas temporadas, nas quais participou em 43 jogos oficiais, apesar de algumas lesões pelo caminho. A qualidade técnica de Xeka era evidente e tornou-se mais mediática quando regressou ao SC Braga, onde teve oportunidade de assumir a titularidade no meio campo da principal equipa e não demorou a ser transferido para o Lille OSC, pelo qual continua a actuar no campeonato francês, tendo a época recentemente concluída sido coroada com o título nacional daquele país. Que recordações ficaram das exibições de Xeka com as cores covilhanenses?

Actualizado em Terça, 22 Junho 2021 08:46
 
Nascimento
Terça, 15 Junho 2021 00:00

Rui António da Cruz Ferreira é conhecido no mundo do futebol por Nascimento, que como jogador foi uma das referências da 1ª Divisão Nacional durante várias épocas, tendo uma qualidade no meio campo que possibilitou-lhe ser internacional AA por Portugal. No entanto, a ligação de Nascimento ao Sporting da Covilhã não foi como jogador, mas sim como treinador, quando assumiu o comando técnico do nosso clube nas derradeiras jornadas da 2ª Liga da temporada 2011/2012. O conjunto serrano encontrava-se numa situação difícil na classificação e os pontos conquistados sob a orientação de Nascimento valeram o 15º lugar, que acabou por ser suficiente para a manutenção em virtude da exclusão da União de Leiria das competições profissionais por problemas financeiros. Até ao momento, a última equipa que Nascimento treinou foi o Dibba Al-Hisn, no campeonato dos Emirados Árabes Unidos. Que recordações ficaram da passagem de Nascimento pela formação covilhanense?


Actualizado em Terça, 15 Junho 2021 08:42
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Pág. 5 de 212
Livro História SCC
.
fa

Livro História do Sporting Clube da Covilhã 1923-1990 disponível para aquisição na Foto Académica, localizada nas Escadas do Quebra Costas n.º 2 - Covilhã

ATLETAS
JOGADORES DE A a Z:
TREINADORES
OUTRAS FIGURAS
ENTREVISTAS
EVENTOS
CONTACTOS
OUTROS
REDES SOCIAIS

face

SPONSOR

Gigarte - Design e Comunicação

ESTATÍSTICA
Visualizações de conteúdos : 2520050